segunda-feira, 15 de setembro de 2008

A Gente



Sem descaso,
a gente mostra,
se demonstra,
e a gente ri...

Não tem texto,
a gente flui,
sem pretexto,
a gente esboça...

Não há laço,
só abraço,
e vontade,
de abraçar...

Livre a mente,
e sem fala,
a gente fala,
com o olhar...

A gente soma,
a gente some,
um no outro,
no acaso...

e subtrai o mundo...


"Aqui não haverá cobranças emocionais ou mesmo cobranças mesquinhas. Afinal com uma humanidade inteira precisando de heróis, quem tem tempo para probleminhas banais de simples mortais ?"  Grandes amigos são pucos, mas serão sempre grandes...  ; )  

5 comentários:

Luciana Dantas (Asas do Tempo) disse...

rafa.. que coisa linda tu escreveu..
tocou-me fundo o jeito c que tu bailou c as palavras p expor teus sentidos.. bonito mesmo, menino.
bjo no coração, meu amigo.

Tata disse...

Ou meu Deus... suspiro com a foto. Suspiro e sorrio.

E vc tem toda razão, grandes amigos são poucos, mas serão sempre grandes.

Beijo enorme, Rafa.

Júlia de Miranda disse...

Oi! nossa, que lindo seu blog! linda a poesia! voltarei sempre!

bjos

Roberto disse...

oiii..tava vndo os links do blog do marcus e axei ese seu...muito lnda esa poesia..e adorei a sua foto...

abrço.

Di disse...

A foto demonstra que às vezes amigos são diferentes de nós, mas ao menos tentam nos entender e tentam nos ajudar.
Amizade é uma coisa linda, uma benção.

Obrigada pela companhia e pelos seus comentários lindos.
Desculpe a ausência.