quarta-feira, 19 de dezembro de 2007

"Quebrado a frieza" (nem quente, nem frio, como diria minha vó)


No calor que vem de fora
junto ao frio que vem de dentro
desfaçamos
pois desfazer também é um feito

No frio que vem de fora
junto ao calor que vem de dentro
desenlacemos
para dar um novo nó

Nós de braços
nós de pernas
nós de nós...

Um comentário:

Elandia duarte disse...

"Nós de braços
nós de pernas
nós de nós..."

Fundir corpos e almas...
Eís a esência do amor!