segunda-feira, 15 de outubro de 2007

Olhares


Sabes dos meu olhares
sabes o quanto olho e o que vejo
e se não sabes, imaginas
e imaginas certo

Sentes os meus olhares
vês o que vejo sem ver o que olho
e se não vês, sonhas
e sonhas certo

Procuras os meus olhares
e achas, e gostas, e amas
procuras tanto os meus olhares
que esqueces...

Que tenho os olhares e o olhar
e meus olhares, são simples, nunca os escondo
mas o olhar, que há tempos te mostro
não percebes...

Nenhum comentário: