terça-feira, 21 de agosto de 2007

Simples Assim...


Não acreditas em olhares
e esqueces de proteger teus olhos
olhos que falam e te enganam
e contradizem as palavras que dizes

Sentes, sabes que sentes, mas hesitas
deixas de falar, deixas de fazer, deixas de viver
por escolhas, poderás deixar a vida inteira
mas não poderás deixar de sentir o que não se escolhe.

Tu simplesmente não entendeste nada
a diferença se fazia nas coisas mais simples
e os principais motivos não eram os óbvios
mas tu negas o que eu acredito

Hoje só rio, hoje só, rio
demorei mas hoje sei
que não há sentido algum
em sentir só...

Tão linda
Tão dura
linda e dura como cristal
e contraditoriamente frágil.

Um comentário:

Flavia disse...

E aê mostrando mais uma das muitas habilidades hein? gostei de todo seu blog... Continue escrevendo e abrindo o coração, hehehehe. abraço!!!
Flay